Lightyear One deve chegar em 2020 como 1º carro movido a energia solar

A holandesa Atlas Technologies BV promete lançar em 2020 o primeiro carro elétrico do mundo alimentado por energia solar. A autonomia chega até a 800 quilômetros. É o Lightyear One, que terá seu primeiro protótipo revelado no dia 25 de junho, mas que já estará muito próximo da versão final. A empresa não explica diretamente como funciona a tecnologia do veículo, mas o vídeo oficial dá pistas nesse sentido.

O Lightyear One não é mostrado por completo, mas aparece com placas fotovoltaicas no teto. A imagem dá a entender que a energia solar será convertida em energia elétrica para carregar a bateria que alimenta os motores. Inclusive, o slogan da Lightyear, nome comercial da Atlas Tecnologies, é “developing the electric car that charges itself” (“desenvolvendo o carro elétrico que se autocarrega”, em tradução livre).

Lightyear One já teria 100 reservas

Imagem dá a entender que o Lightyear One é um cupê

O One será mostrado na cidade holandesa de Katwijk. A empresa diz que já recebeu 100 reservas do carro elétrico, que está previsto para as dez primeiras unidades serem entregues em 2020. O preço do veículo é de 119.999 euros, o equivalente a R$ 543 mil. A Lightyear não divulgou as especificações técnicas do carro, que aparece em imagens apenas de perfil e na sombra.

As linhas indicam ser um cupê com uma queda acentuada do teto após a coluna “B”, o que lhe dá um ar de fastback. Segundo a fabricante, o carro tem design aerodinâmico inédito, baixo peso e quatro motores elétricos instalados no interior das rodas. Segundo ela, o Lightyear One é capaz de gerar quase toda a energia elétrica que consome.

Lightyear One será revelado em 25 de junho

A empresa revelou a bateria garantirá autonomia entre 600 e 800 km com carga completa. Segundo ela, o One também poderá ser recarregado através do sistema de cabo convencional, mas três vezes mais rápido do que qualquer outro veículo elétrico disponível no mercado. Quando conectado a uma tomada residencial convencional, acrescenta, uma noite de carga garante alcance de 400 km.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *